Governo de SP oferece mais de mil vagas de trabalho para população em 50 cidades do Estado

Programa Meu Emprego – Cidadão Trabalhador concede vagas de trabalho com bolsa-auxílio e cursos de qualificação profissional para desempregados em situação de alta vulnerabilidade social

Nesta segunda-feira (07), o Governo de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em parceria com as prefeituras, abre inscrições para 1.250 vagas de trabalho com bolsa-auxílio e cursos de qualificação profissional do programa Meu Emprego – Cidadão Trabalhador em 50 cidades do Estado, nas áreas de zeladoria, limpeza, conservação, manutenção de órgãos públicos municipais, entre outras atividades.

As inscrições são gratuitas e vão até o dia 09 de outubro.  O programa tem como objetivo proporcionar qualificação profissional e renda para os cidadãos desempregados, em situação de alta vulnerabilidade social, por meio de atividades produtivas em equipamentos municipais.

Como participar?

Para participar do Meu Emprego – Cidadão Trabalhador, o candidato deve estar desempregado há pelo menos um ano, ser maior de 17 anos e residir no Estado de São Paulo por no mínimo dois anos. As inscrições serão feitas em locais definidos pelas prefeituras. A relação completa dos endereços pode ser consultada aqui.

A jornada semanal do bolsista será de cinco dias, sendo quatro dias reservados para as atividades de apoio com duração diária de seis horas e um dia por semana dedicado exclusivamente para o curso de qualificação profissional com duração de cinco horas.

Os participantes recebem mensalmente bolsa-auxílio de R$ 330, além de seguro de acidentes pessoais. Eles prestam serviços de interesse local (quatro dias da semana – seis horas por dia) e frequentam o curso de qualificação profissional, um dia por semana. Ao todo, são 150 horas de capacitação. O bolsista permanece no programa por seis meses, que pode ser prorrogado por mais três meses.

Consulte abaixo as vagas e os municípios contemplados:

Região Araçatuba:

Auriflama – 25 bolsas

Barbosa – 25 bolsas

Buritama – 25 bolsas

Rubiacéia – 25 bolsas

Santo Antônio do Arancanga – 25 bolsas

Sud Mennucci – 25 bolsas

Suzanópolis – 25 bolsas

 

Região da Baixada Santista:

Itanhaém – 25 bolsas

 

Região de Barretos:

Embaúba – 25 bolsas

Severínia – 25 bolsas

Vista Alegre do Alto – 25 bolsas

 

Região de Campinas:

Águas de São Pedro – 25 bolsas

Cordeirópolis – 25 bolsas

Mogi-Guaçu – 25 bolsas

Santa Gertrudes – 25 bolsas

 

Região Central:

Gavião Peixoto – 25 bolsas

 

Região de Marília:

Borá – 25 bolsas

Herculândia – 25 bolsas

Oscar Bressane – 25 bolsas

Queiroz – 25 bolsas

Tupã – 25 bolsas

 

Região de Presidente Prudente:

Anhumas – 25 bolsas

Caiabu – 25 bolsas

Emilianópolis – 25 bolsas

Iepê – 25 bolsas

Indiana – 25 bolsas

Inúbia Paulista – 25 bolsas

Paulicéia – 25 bolsas

Ribeirão dos Índios – 25 bolsas

Salmourão – 25 bolsas

Tarabaí – 25 bolsas

 

Região de Ribeirão Preto:

Cravinhos – 25 vagas

 

Região de São José do Rio Preto:

Aparecida D’Oeste – 25 bolsas

Dolcinópolis – 25 bolsas

Estrela do Norte – 25 bolsas

Jaci – 25 bolsas

Marapoama – 25 bolsas

Mirassolândia – 25 bolsas

Pedranópolis – 25 bolsas

Planalto – 25 bolsas

Santa Rita D’Oeste – 25 bolsas

São João das Duas Pontes – 25 bolsas

Sebastianópolis do Sul – 25 bolsas

Turmalina – 25 bolsas

 

Região de São José dos Campos:

Igaratá – 25 bolsas

Lavrinhas – 25 bolsas

 

Região de Sorocaba:

Salto de Pirapora – 25 bolsas

Sorocaba – 25 bolsas

 

Serviço:

Meu Emprego – Cidadão Trabalhador

Inscrições: De 07 a 09 de outubro, a relação completa dos locais de inscrição pode ser consultada aqui.

Sobre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico exerce um papel importante na retomada do crescimento econômico, além de trabalhar para atrair investimentos, fomentar o empreendedorismo, a inovação tecnológica e oferecer qualificação profissional para atender as demandas atuais do mercado, gerando oportunidade de trabalho para todos.