Estrutura

A CCTI realiza ações de estímulo à produção de pesquisa e inovação tecnológica no Estado, incentivando o desenvolvimento econômico e social com a criação de ambientes propícios para atração de investimentos (parques tecnológicos e centros de inovação) e geração de novas empresas, fazendo com que São Paulo continue sendo o Estado mais desenvolvido do País para competir e ser referência global. Outra tarefa prioritária é contribuir para a aproximação do setor produtivo com os centros de conhecimento, tanto no âmbito estadual quanto federal. Além de coordenar os principais programas do governo do Estado nas áreas de CT&I, articular projetos com importantes instituições de fomento e pesquisa, como a Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapesp), o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen), com as políticas públicas do governo. É responsável ainda por manter o diálogo permanente com a comunidade científica, empresarial e governamental, sob a ótica do desenvolvimento econômico sustentável e da inclusão social. Coordenador: Arnaldo Silva
Pós-doutorado em Genética e Biologia Molecularpela Unicamp, inventor, especialização em Gerenciamento de Projetos pela FGV/Ohio.Iniciou carreira no gerenciamento da Inovação na INOVA-Unicamp como agente de licenciamento de patentes e parcerias. Experiência como executivo internacional nas áreas de P&D, Regulatória e Comercial na indústria de aditivos químicos e biotecnológicos para alimentação humana e animal.Experiência como consultor em Propriedade Intelectual e Inovação. Na SDE, iniciou como Diretor Técnico na CCTI em maio de 2021 e assumiu a Coordenação em junho de 2022.
Telefones: (11) 3718-6637

Programas da Coordenadoria de Ciência, Tecnologia e Inovação (CCTI)

A CICOS atua como interlocutora na formulação de propostas e articulação de políticas públicas focadas na competitividade dos agentes econômicos do Estado, junto às demais áreas da Secretaria, buscando conectar e otimizar as políticas públicas de cada setor. A coordenadoria é operada em parceria com representantes do setor privado e da sociedade civil para identificar os obstáculos e necessidades de aperfeiçoamento de políticas públicas nos setores de produtividade, financiamento, desburocratização e sustentabilidade, visando a geração de emprego e renda, por meio do aumento quantitativo e qualitativo da atividade econômica no Estado. Coordenador da CICOS: Cristiano Siqueira
Economista, tem graduação, mestrado e doutorado em Teoria Econômica pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da USP. Trabalhou por 26 anos como analista macroeconômico no mercado financeiro, passando por duas consultorias macroeconômicas referências no país, MB Associados e MCM Consultores, e integrando os departamentos econômicos do Banco Real, Banco Santander e J.P. Morgan. Em maio de 2022 assumiu a coordenação da equipe da CICOS.
Telefone: (11) 3718-6701 – E-mail: cicos@sde.sp.gov.br

Programas da Coordenadoria de Competitividade da Indústria, Comércio e Serviços (CICOS)

A CDRT busca estrategicamente promover o crescimento econômico de forma homogênea, visando garantir a redução das desigualdades e potencializar as vocações regionais. Exerce suas funções junto a diferentes atores sociais, públicos e privados para formatar ações coletivas voltadas ao desenvolvimento sustentável, e que colaborem em seus respectivos campos de conhecimento, formulando políticas públicas compatíveis com as habilidades, potencialidades e características locais, a partir de um modelo de desenvolvimento integrado. Age fundamentalmente, em duas vertentes: – Vocações e potencialidades regionais, que se destacam na criação de novas oportunidades de desenvolvimento, na redução de diferenças socioeconômicas regionais do Estado e no apoio aos municípios, por meio de programas de incentivo a incubadoras de empresas e de Agências de Desenvolvimento Regional (ADRs); – No incentivo ao empreendedorismo, promovendo o fortalecimento da competitividade das empresas de forma articulada com entidades de representação empresarial e de ensino, pesquisa e inovação, com ênfase na defesa de empresas. Coordenadora: Adriana Tedesco Telefone: (11) 3718-6661

Programas da Coordenadoria de Desenvolvimento Regional e Territorial (CDRT)

Promove ações focadas no aprimoramento e na expansão do ensino superior no Estado de São Paulo, com a execução de programas voltados à formação de profissionais qualificados, de acordo com as necessidades da população e as demandas do mercado de trabalho. Entre as atribuições da coordenadoria, elaborar estudos e diagnósticos no campo do ensino superior, manter diálogo permanente e realizar ações em parceria com a comunidade científica para o desenvolvimento articulado do ensino superior no Estado. Tem como objetivo, providenciar a produção, a análise e a difusão de informações pertinentes ao ensino superior. Uma das principais iniciativas desenvolvidas é o Programa Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), que tem como foco a expansão do ensino superior público, gratuito e de qualidade no Estado, por meio de cursos de Educação a Distância (EAD), ampliando o número e a abrangência geográfica das vagas ofertadas. São entidades vinculadas à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, via Coordenadoria de Ensino Superior: Telefone: (11) 3718-6510 Coordenador: Sandro Valentini

Programas da Coordenadoria de Ensino Superior (CES)

Com ações voltadas ao aprimoramento e à expansão do ensino técnico, tecnológico e profissionalizante no Estado de São Paulo, propõe políticas de execução de programas e projetos de formação de profissionais direcionados na empregabilidade e geração de renda. Faz parte de suas atribuições, a realização de estudos, diagnósticos, novas metodologias e materiais didáticos, com foco na capacitação profissional em concordância com as demandas regionais e o setor produtivo do Estado. Telefone (11) 3718-6652 Coordenador: Leandro Franco
Mestre em Políticas Públicas na London School of Economics and Political Science, atuou como superintendente de Políticas para Inovação do Estado do Maranhão e Gestor público na Secretaria de Indústria Comércio e Energia, foi trainee do Vetor Brasil. Desde 2022 é coordenador da CETTPRO.

Programas da Coordenadoria de Ensino Técnico, Tecnológico e Profissionalizante (CETTPRO)

A Coordenadoria de Operações tem como cerne a gestão dos serviços do Sistema Nacional de Emprego – SINE. Sua principal atividade reside na manutenção e coordenação de todos os Postos de Atendimento ao Trabalhador – PAT, distribuídos ao longo do Estado de São Paulo. São mais de 200 equipamentos localizados em equipamentos próprios, Poupatempos e Centros Integrados de Cidadania – CIC. A COP auxilia os atendimentos realizados nos PATs, onde são ofertados a Emissão de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), a habilitação ao Seguro-Desemprego, cursos de qualificação profissional, prospecção de vagas de trabalho ofertadas por empregadores, disponibilização de espaço físico para processo de seleção e treinamento de empresas, cadastro de trabalhadores e intermediação entre vagas demandas e vagas ofertadas de trabalho. Ademais, a COP concentra a Secretaria Executiva do Conselho Estadual do Trabalho, Emprego e Renda do Estado de São Paulo – CETER-SP, colegiado instituído pela Lei nº 17.308, de 22 de dezembro de 2020 que tem como responsabilidade o estabelecimento das diretrizes e prioridades para as políticas de trabalho, emprego e renda no âmbito estadual e controlar a aplicação dos recursos do Fundo do Trabalho do Estado de São Paulo – FUNTESP. Criado através da Lei nº 17.308, de 22 de dezembro de 2020, o FUNTESP é voltado a financiar o desenvolvimento, implementação, manutenção, modernização, aperfeiçoamento e gestão das ações e serviços no âmbito do SINE e da política estadual de trabalho, emprego e renda. Sua principal fonte de recursos é oriunda dos repasses do Fundo do Amparo ao Trabalhador – FAT. Coordenador COP: João Rafael Calvo da Silva
Graduado em Engenharia Cartográfica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, é especialista em Geoprocessamento pelo Centro Universitário SENAC-SP. Atuou como coordenador da Gestão Estratégica, na Desenvolvimento Social do Estado (SEDS/CGE). Desde 2021 lidera a Coordenadoria de Operações na pasta de Desenvolvimento Econômico.

Programas da Coordenadoria de Operações (COP)

A CPER concentra programas destinados a impulsionar ações voltadas a geração de emprego e renda no Estado de São Paulo, atuando por meio de políticas focadas nos grupos populacionais mais vulneráveis. Seu principal Programa é o Bolsa Trabalho, realizado em parceria com os municípios, oferece a população desempregada de baixa renda cursos de qualificação profissional, com bolsa-auxílio mensal de R$ 540,00 durante 5 meses, e em contrapartida a prestação de serviços em órgãos públicos. Há, ainda, os programas Pró-egresso, que se concentra na busca de novas oportunidades de emprego e renda à população egressa do sistema carcerário; o Trabalho em Equipe, que oferece qualificação especializada a população desempregada ou em busca de novas oportunidades profissionais através da metodologia Canadian Steel Trade and Employment Congres e o Selo Paulista da Diversidade, que visa certificar organizações privadas e da sociedade civil que se comprometam ou tenham ações envolvendo as temáticas de diversidade e inclusão, através da contratação e inserção de minorias no mercado de trabalho ou apoiando ações e projetos de afirmação para esses públicos. Coordenador CPER: Marcos Wolff
Arquiteto e Urbanista formado pelo Centro Universitário Belas Artes. Foi coordenador de Operações e coordenador de Políticas de Empreendedorismo da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho, diretor executivo do Banco do Povo Paulista, membro do Conselho de Administração da Desenvolve SP e do Fórum Nacional das Secretarias Estaduais do Trabalho. Em maio de 2021 assumiu a Coordenação de Políticas de Emprego e Renda.

Programas da Coordenadoria de Políticas de Emprego e Renda (CPER)

Promove ações voltadas ao desenvolvimento do empreendedorismo, por meio de iniciativas dirigidas às empresas, em parcerias com órgãos públicos e privados, visando a agilização de procedimentos de instalação, regularização, recuperação e crescimento. Fazem parte das atribuições da coordenadoria, a coleta, a organização e a análise de informações que permitam promover a adequação do perfil e das necessidades dos micros e pequenos empresários às reais demandas do mercado, além da realização de estudos, produção e difusão de matérias e dados relacionados ao empreendedorismo. A SEMPE exerce um papel de integração da Junta Comercial do Estado de São Paulo (JUCESP) e órgãos de licenciamento do Estado, com a Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). Por intermédio do programa Banco do Povo Paulista, concede linhas de microcrédito para empreendedores de pequenos negócios, viabilizando o desenvolvimento social e econômico local e a geração de emprego e renda. Subsecretária da SEMPE – Sueli Cavalhero
Formada em administração de empresas e pós-graduada em Marketing pela Universidade Paulista, é Subsecretária de Empreendedorismo da Micro e Pequena Empresa e Coordenadora de Políticas Públicas do Banco do Povo, responsável pela área de empreendedorismo com os programas Empreenda Rápido, Empreenda Mulher, Empreenda Afro e Linha Nome Limpo, está na Desenvolvimento Econômico há 23 anos e tem experiência em diferentes áreas da pasta.
E-mail:sempe@sde.sp.gov.br

Programas da Subsecretaria de Empreendedorismo e da Micro e Pequena Empresa (SEMPE)

Fundada em 1970, a SUTACO tem como objetivo promover a inclusão produtiva dos artesãos por meio de oportunidades de geração de renda e desenvolvimento local de modo economicamente viável, socialmente justo e ambientalmente responsável. Sua atuação tem como missão resgatar as formas tradicionais de expressão artística de indivíduos e comunidades sediadas no Estado de São Paulo, priorizando o desenvolvimento do trabalho dos artesãos, sua exposição e a comercialização de seus produtos. Tem como atribuições realizar a coordenação estadual do artesanato, no âmbito do Programa do Artesanato Brasileiro – PAB; fomentar o artesanato como atividade econômica estratégica para geração de renda e desenvolvimento regional; e como ferramenta de inclusão social, além de adotar as medidas necessárias à valorização do artesanato paulista. Coordenadora da CDRT: Adriana Tedesco Telefone: (11) 3718-6661

Programas da Subsecretaria do Trabalho Artesanal nas Comunidades (SUTACO)