08/07/2021

Governo de SP e Prefeitura da Capital firmam parceria para oferecer R$ 25 milhões em crédito a micro e pequenos empreendedores

Convênio entre Banco do Povo e Ade Sampa contará com linha de crédito para apoiar microempreendadores na retomada econômica

O Governador João Doria e o Prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes, assinaram nesta quinta-feira (8) um convênio entre o Banco do Povo e a Ade Sampa (Agência São Paulo de Desenvolvimento) para oferecer linha de crédito a micro e pequenas empresas da capital.

“Estes investimentos do Banco do Povo prioritariamente são destinados a empreendedoras mulheres, no mínimo 50% de todo esse recurso será destinado para mulheres empreendedoras da capital de São Paulo. Esse é um fato novo, em nenhuma outra circunstância o programa de microcrédito, seja em São Paulo ou em qualquer outra localidade do país, estabeleceu como princípio que pelo menos 50% seja destinado a mulheres”, afirmou Doria.

A agência municipal vai atender empreendedores na divulgação de uma linha de crédito com recursos de R$ 25 milhões exclusivos para a Capital, direcionada para micro e pequenas empresas que estão em busca da retomada econômica. Metade do valor será alocada em operações da linha Empreenda Mulher, voltada às empreendedoras.

A Ade Sampa realiza a oferta das linhas de microcrédito do Banco do Povo por telefone, WhatsApp e e-mail, apresentando aos empreendedores paulistanos as condições e processos para a efetivação da solicitação de crédito. Já o Banco do Povo é responsável pela análise de crédito e liberação dos recursos ao empreendedor.

“Mais da metade dos empregos criados no nosso estado são gerados por micro e pequenos empreendedores. Por isso, potencializamos o programa Empreenda Rápido, em parceria com o Sebrae, e reforçamos os investimentos, realizando o maior aporte da história do Banco do Povo”, destacou a Secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen.

As linhas de crédito atualmente ofertadas são:

• Empreenda Rápido para informais – até R$ 15 mil, taxa de juros de 0,8% ao mês, com prazo até 24 meses e carência até 90 dias.
• Empreenda Rápido para MEIs, MEs, EPPs e produtor rural com CNPJ, que não possuam restrições no CNPJ e dívida no CADIN – até R$ 21 mil, taxas de juros de 0,35% a 0,55% ao mês, com prazo até 36 meses e carência até 90 dias.
• Empreenda Mulher – mesmas condições de valores e juros da linha Empreenda Rápido, mas com prazos mais vantajosos, até 36 meses para informais e até 48 meses para MEIs, MEs, EPPs e produtoras rurais com CNPJ, e carência de 90 a 150 dias.
• Linhas emergenciais para setores vulneráveis – somente para formais (bares e restaurantes, academias e setor de beleza, artesanato, cultura e economia criativa, entre outros) – até R$ 10 mil, juros variam de 0% a 0,35% ao mês, com prazo até 36 meses e carência até 180 dias.

Para ter acesso às linhas de crédito é necessário ter realizado um dos cursos do programa Empreenda Rápido, que oferece qualificação técnica e empreendedora em parceria com o Sebrae e o Centro Paula Souza.

No primeiro semestre de 2021, a Ade Sampa foi responsável pelo atendimento que originou 210 empréstimos realizados pelo Banco do Povo, somando um total de R$ 3,4 milhões desembolsados, um ticket médio de R$ 16.319, o que representou 85% das operações do Banco do Povo no município de São Paulo no período.

Confira os canais de atendimento:

Telefone: (11) 4210 2668

Whatsapp:
11 99708 5130
11 99449 1311

E-mail: atendimento@adesampa.com.br
Site: www.bancodopovo.sp.gov.br


Tags Relacionadas

Notícias
<< Anterior

Governo de SP autoriza volta presencial do ensino superior para o 2º semestre

Governo de SP anuncia R$ 32 milhões para abertura recorde de 37 mil vagas do Novotec Expresso