Polos de desenvolvimento econômico com pacotes de benefícios setoriais para a indústria. A proposta de atuação nos polos é otimizar políticas públicas já existentes em torno de 6 pilares, visando adensar e integrar as cadeias produtivas:

  • Simplificação Tributária e Regulatória
  • Financiamento Competitivo – voltado ao adensamento da cadeia produtiva
  • Tecnologia e Inovação
  • Qualificação de mão de obra
  • Infraestrutura e serviços
  • Ambiente de negócios & Desburocratização – fast track de licenças e permissões, One Stop Shop

12 Polos de Desenvolvimento cobrem todas as regiões do Estado:

  1. Agritech, Aeroespacial, Serviços Tecnológicos: Campinas, Piracicaba, Ribeirão Preto;
  2. Alimentos e Bebidas: Marília, Bauru, São Carlos, Barretos, São Paulo e Região Metropolitana, Piracicaba, Campinas;
  3. Automotivo: Sorocaba, Campinas, Piracicaba, ABC, Alto Tietê, São Paulo e Região Metropolitana, Vale do Paraíba;
  4. Biocombustíveis: Barretos, São José do Rio Preto, Araçatuba, Presidente Prudente;
  5. Couro e Calçados: Franca, Bauru, Araçatuba;
  6. Derivados de Petróleo e Petroquímico: Baixada Santista, Piracicaba, Bauru, São Paulo, Alto Tietê, Vale do Paraíba;
  7. Eco Florestal: Vale do Ribeira;
  8. Metal-metalúrgico, Máquinas e Equipamentos: Ribeirão Preto, Central, Piracicaba, Sorocaba, São Paulo, Alto Tietê, Vale do Paraíba;
  9. Químico, Borracha e Plástico: Baixada Santista, São Paulo e Região Metropolitana, Campinas, ABC, Alto Tietê, Vale do Paraíba;
  10. Saúde e Farma: Ribeirão Preto, Campinas, São Paulo e Região Metropolitana, Alto Tietê;
  11. Têxtil, Vestuário e Acessórios: São Carlos, Itapetininga, Sorocaba, São Paulo e Região Metropolitana, Vale do Paraíba;
  12. Papel, Celulose e Reflorestamento: Araçatuba, Baixada Santista, Barretos, Bauru, Campinas, Franca, Itapeva, Marília, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Sorocaba e Vale do Paraíba.

Acesse, para saber mais: http://www.polos.sp.gov.br/